Portal Agita Ih!
Corpo e Saúde Estilo de vida

Março Azul Marinho alerta sobre prevenção do câncer colorretal

  Doença deve afetar quase 41 mil pessoas no Brasil em 2020, estima INCA; mal pode ser evitado com hábitos saudáveis, afirma médica especialista do Instituto de Oncologia de Sorocaba (IOS).

O Brasil deve registrar quase 41 mil novos casos de câncer colorretal em 2020, estima o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Os homens devem ser os mais afetados, com 20.520 diagnósticos, enquanto 9.660 mulheres podem desenvolver a doença. Diante desses números, a campanha nacional “Março Azul Marinho” visa conscientizar sobre a importância da prevenção a esse mal.

O câncer colorretal, popularmente conhecido como câncer de intestino, caracteriza-se pelo aparecimento de tumores no intestino grosso, nas regiões do cólon e reto. Os principais sintomas estão relacionados a alterações do hábito intestinal, sendo diarreia, prisão de ventre e sangramento ou mudança na forma das fezes, informa Dra Luciana Buttros, médica oncologista clínica do Instituto de Oncologia de Sorocaba (IOS). O paciente também pode sofrer dor ou desconforto abdominal, perda de peso sem causa, fraqueza e anemia.

A doença possui maior incidência entre a faixa etária dos 55 aos 65 anos, mas também pode se manifestar em qualquer idade, salienta a médica. “Não há um motivo decisivo para o principal acometimento entre essa faixa etária, mas, provavelmente, seja o maior tempo de exposição aos fatores de risco”, destaca.

Por se tratar de um mal relacionado ao estilo de vida, a principal forma de prevenção é a adoção de hábitos saudáveis, afirma a especialista do IOS. O diagnóstico do câncer, explica, está associado a fatores como dieta pouco balanceada, consumo excessivo de carne vermelha, sedentarismo, tabagismo, alcoolismo e obesidade. Por isso, além de cuidar com atenção da alimentação, é importante praticar exercícios físicos regularmente. As refeições devem ser ricas em fibras, frutas, legumes e verduras. Alimentos processados, gordurosos e altamente calóricos devem ser evitados, bem como grandes quantidades de carne vermelha, recomenda Dra. Luciana. Já, as atividades físicas, preferencialmente aeróbicas, devem ser realizadas, no mínimo, três vezes por semana, por, pelo menos, 30 minutos.

Recomenda-se, também, consultar-se regularmente com o médico, pois o diagnóstico precoce dos tumores eleva as chances de cura. A partir dos 50 anos, homens e mulheres devem realizar o teste de sangue oculto nas fezes e exame de colonoscopia. Pessoas com idades inferiores têm de fazer o exame apenas se possuírem histórico familiar da doença. Dependendo de fatores de risco determinados pelo especialista, a colonoscopia pode ser indicada com intervalos de um a cinco anos. “Quanto menor o tamanho do tumor, maior a possibilidade de ressecção (remoção) e maior a possibilidade de cura”, enfatiza.

O estágio em que a doença é diagnosticada tem relação direta com o sucesso do tratamento. Na fase inicial, apenas a cirurgia de retirada do tumor pode erradicar o câncer. Em quadros mais graves, o paciente também pode ser submetido à quimioterapia ou à radioterapia, conforme a localização do tumor. “O tratamento é prescrito de acordo com a extensão da doença. Leva-se em conta se a pessoa tem linfonodos comprometidos ou não, tamanho do tumor, grau de invasão, etc”, esclarece.

Nos últimos tempos, segundo a médica, houve diversos avanços nos procedimentos contra o câncer colorretal. Hoje, cirurgias são realizadas por vídeo ou com o auxílio de robôs e também foram desenvolvidos medicamentos quimioterápicos menos agressivos. As novas ferramentas e drogas-alvo reduzem os efeitos colaterais, propiciando qualidade de vida. “Há cirurgias cada vez menos invasivas e tratamentos menos tóxicos, diminuindo a morbimortalidade da doença e proporcionando, assim, melhor qualidade de vida aos pacientes. ”

Mais informações podem ser obtidas pelo site: www.oncologiasorocaba.com.br. O Instituto de Oncologia de Sorocaba está localizado no Centro de Medicina e Saúde, que fica na Av. Comendador Pereira Inácio, 950, Térreo, Jd. Vergueiro, telefone: (15) 3334-3434.

Related posts

5 hábitos saudáveis para prolongar a vida

Portal Agita Ih

Partiu intercâmbio. Confira 6 dicas para alugar casa de temporada na Flórida

Portal Agita Ih

Sorocaba registra primeiro caso suspeito de coronavírus

Portal Agita Ih

Deixe um comentário

four + 9 =

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais