Notícias

Jovens vão conhecer os refúgios da biodiversidade do Parque da Água Vermelha

A Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema) vai oferecer nesta quarta-feira (11), a partir das 13h30, uma visita monitorada no Parque da Água Vermelha “João Câncio Pereira” a 27 jovens, de 14 a 24 anos de idade, que atuam como aprendizes em empresas do município e da região. Eles vão conhecer os refúgios da biodiversidade existente no espaço ecológico.
Realizada pela equipe de Educação Ambiental da Sema, o objetivo da visita é apresentar o parque e a sua biodiversidade, seus “moradores” e seus “ambientes” (girinos, sapos, peixes, aves, árvores, abelhas, jardins, lago), além de tratar de questões relacionadas à sustentabilidade com enfoque nas ações individuais e coletivas em prol da conservação e manutenção do meio ambiente.
Os jovens, que fazem parte do projeto do Senac Sorocaba, estão sendo orientados sobre questões relativas às necessidades do mundo do trabalho com enfoque na sustentabilidade. O Parque da Água Vermelha é um dos mais importantes refúgios da biodiversidade da cidade, constituído por refúgios terrestres (árvores e mata ciliar) e aquáticos (lagos e plantas aquáticas), que fornecem abrigo, alimento e proteção para os animais, conforto térmico e estético, entre outros benefícios.
Na visita mediada pelas trilhas do espaço ecológico, os participantes vão observar e manusear a biodiversidade, utilizando lupas e binóculos, entre outros. O Parque da Água Vermelha está localizado na rua România, 150, no Jardim Europa. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail parquedaaguavermelha@sorocaba.sp.gov.br ou pelo telefone (15) 3221.6643. A entrada é gratuita.

Fonte: SECOM

MATÉRIAS RELACIONADAS

Uniten forma 265 alunos em 11 cursos

agita2019

Meio Ambiente abrirá inscrição para workshop gratuito sobre arborização urbana

agita2019

Dia Mundial da Limpeza terá mutirões em duas áreas públicas de Sorocaba

agita2019

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

%d blogueiros gostam disto: