Notícias

CRAS Laranjeiras oferece “Oficina do Amor” para futuras mamães

A Secretaria de Igualdade e Assistência Social (Sias), em conjunto com o Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) Laranjeiras, promove todas as quintas-feiras sua “Oficina do Amor”. O evento é aberto para todas as mães em qualquer fase da gestação.

A “Oficina do Amor”, que acontece às 14h, tem como propósito evidenciar a importância do vínculo entre mãe e filho desde os primeiros momentos da gestação. Oferece também uma roda de conversa, dinâmicas construtivas e preparação de peças para o enxoval do bebê.

De acordo com a coordenadora do CRAS, Thais Verena Santos, a equipe responsável, tem como trabalho evidenciar as transformações gestacionais mostrando para as mães o quanto pode ser prazerosa a gestação, independente da situação econômica em que a gestante vive. Integram essa equipe uma assistente social e duas estagiárias de Psicologia.

Registro fotográfico

Ao final de cada oficina o CRAS disponibiliza para as futuras mamães um ensaio fotográfico. E ele é realizado na reta final da gestação, entre o 8° e 9° mês, e para participar do ensaio é preciso ter uma frequência de no mínimo um mês na oficina.

Fabiana Cristina Zacarias, de 37 anos, é uma das acompanhadas pela oficina desde o quarto mês de gestação e ganhou seu ensaio ao completar 33 semanas (oitavo mês). “Os encontros são maravilhosos. As meninas (as estagiárias e assistente social) estão de parabéns”, comentou a futura mamãe que recebeu um acompanhamento psicológico pela primeira vez, no Centro de Referência. “Elas são muito atenciosas, fizeram até um bolo de aniversário pra mim”, contou sobre como são os encontros.

A necessidade desse auxílio psicoterapêutico é tido por Fabiana como “a melhor parte”, pois a progenitora não tinha vontade de abrir-se com as pessoas e, a partir das dinâmicas adotadas, trouxe o diálogo para dentro da própria casa.

O término da oficina ocorre individualmente para cada gestante assim que o bebê nasce.

Logo após o fim da licença maternidade, mínimo de quatro meses, é possível participar de outro programa, este, destinado às crianças. Com previsão de início em novembro, o “Oficina da primeira infância” tem como objetivo fazer o acompanhamento da mãe e seu bebê até ele completar três anos de vida.

“O objetivo do CRAS é trabalhar com a gestante fortalecendo o elo entre mãe e filho. No entanto, esse trabalho não isenta o acompanhamento com médicos e especialistas nas UBS´s”, reforça Thaís.

Como participar

A “Oficina do Amor” ocorre no CRAS toda semana, desde julho de 2018. Para participar é preciso estar gestante, independente da idade gestacional, mas de preferência entre o primeiro e sexto meses. O CRAS Laranjeiras está localizado na rua Michel Chicri Maluf, 803, no Parque das Laranjeiras.

Fonte: SECOM

MATÉRIAS RELACIONADAS

Projeto de Economia Criativa do PTS abre inscrição para curso de fotografia

agita2019

Lançamento do ‘Observatório da Biodiversidade de Sorocaba’ celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente

agita2019

Revista Rio Arquitetura & Design firma parcerias internacionais

agita2019

1 comentário

Reconstrução da mama devolve a autoestima de mulheres vítimas de câncer - Portal Agita Ih! 16 de outubro de 2019 at 11:25

[…] câncer de mama ocupa o 5º lugar no ranking de mortalidade no mundo. Só em 2018, ele matou mais de 627 mil […]

Reponder

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

%d blogueiros gostam disto: