Notícias

ComSaude da FIESP recebeu Secretário Especial Adjunto do Ministério da Economia

Segunda reunião plenária de 2019 do Comitê da Cadeia Produtiva da Saúde e Biotecnologia teve transmissão ao vivo na sede do Ciesp Sorocaba

O Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP), Regional Sorocaba, realizou na última quinta-feira, 06/06, em sua sede, a transmissão simultânea da segunda reunião plenária de 2019 do ComSaude – Comitê da Cadeia Produtiva da Saúde e Biotecnologia, da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP).

Na ocasião, o Secretário Adjunto da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Igor Calvet, fez uma explanação sobre os projetos do governo federal na área de produtividade e falou também sobre sua experiência no setor de saúde.

“Temos um grande problema de produtividade em nosso país. De 2002 a 2012, por exemplo, enquanto a produtividade no Brasil cresceu 0,5%, a da Coréia do Sul cresceu 6,5%. Isso lá na frente reflete na diferença de competitividade dos países”, observou Calvet.

O secretário explicou também que quatro ministérios foram aglutinados no Ministério da Economia. “Em termos de produtividade, esta secretaria é uma síntese dos antigos Ministérios da Fazenda, Planejamento, Trabalho e Desenvolvimento e Indústria. Isso porque ela é focada em fazer política de produtividade. Mas, esta é uma questão difícil em nosso país, pois envolve outros setores, como logística e infraestrutura, preço do frete e segurança, que afetam a produtividade e a competitividade de nosso país”, ressaltou.

O Secretário, que já atuou na APEX (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) e no Ministério da Saúde, destacou também a importância da qualificação profissional. “Temos um mundo cada vez mais digital com big data, IOT (internet das coisas), entre outras novas tecnologias que os trabalhadores de chão de fábrica não estão familiarizados e isso é também um problema de produtividade”, disse.

Na questão do setor de saúde, o Secretário destacou que sua pasta visa tratar assuntos ligados ao mercado. “O ComSaude é muito importante porque hoje existe um grande distanciamento entre as instituições de representação. Uma pauta mínima de uma cadeia é fundamental para que o governo possa tomar decisões”, advertiu Calvet, se colocando à disposição para levar ao governo as demandas do ComSaude e ser um interlocutor, visando a melhoria do ambiente de negócios do setor.  

De acordo com o 1º vice-diretor do CIESP – Sorocaba e Diretor Adjunto do ComSaude, Mario Tanigawa, o evento foi muito importante para que haja uma aproximação com o governo  federal. “Todos os pontos apresentados são relevantes e precisam ser amplamente divulgados, principalmente a questão de produtividade e inovação tecnológica”, avaliou.

O evento contou também com a participação dos conselheiros do CIESP Sorocaba, Ecidir Silvestre e Rubens Rizzardo; da gerente do Seconci-SP – Regional Sorocaba, Ester Gonçalves e da representante da Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba, Cibelle Cristiny dos Santos.

A transmissão simultânea da Reunião Plenária do ComSaude foi realizada com o apoio da empresa parceira do CIESP, PoxNet, que cedeu o link de acesso e a infraestrutura de internet dedicada.

Sobre o ComSaude

Criado há 12 anos, o ComSaude  –  Comitê da Cadeia Produtiva da Saúde e Biotecnologia da FIESP  é uma iniciativa de apoio às entidades ligadas à área da Saúde, que tem o objetivo de estabelecer uma comunicação imparcial com o setor, incentivando a interlocução de pautas e fomentando o diálogo.

Reunindo mais de 70 entidades nacionais e estaduais associadas, o Comitê visa a internacionalização de produtos, processos e serviços de saúde e biotecnológicos produzidos no Brasil; fortalece a atuação da micro e pequena empresa e o aumento da representatividade das indústrias do setor junto às entidades governamentais reguladoras.

O grupo também promove e incentiva a cooperação entre companhias nacionais e internacionais; integra órgãos e entidades governamentais a fim de estimular o desenvolvimento de acordos científicos e comerciais em âmbito nacional e internacional e promove discussões acerca da regulamentação do setor e de proteção intelectual.

O Comitê conta com uma equipe de diretores, cada um representando uma área da Saúde. A partir de 2019, com a intenção de expandir a atuação do ComSaude para além da cidade de São Paulo, foram criadas outras regionais de atuação: Distrito Federal, Rio Claro e Sorocaba, e o  1º vice-diretor do CIESP – Sorocaba, Mario Tanigawa, foi convidado a assumir a diretoria da Regional no ComSaude.

Outras informações sobre as atividades, cursos e eventos do CIESP Sorocaba, acesse www.ciespsorocaba.com.br.

Fonte: Vergili Press Office Comunicação Integrada 

MATÉRIAS RELACIONADAS

SESC SOROCABA: Bordado em Talagarça

agita2019

Sociedade civil deve se inscrever para atuar na CDC até 22 de maio

agita2019

“Ética e Combate à Corrupção” é tema de palestra na Faculdade ESAMC Sorocaba

agita2019

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

%d blogueiros gostam disto: